domingo, 28 de dezembro de 2014

6ª Extinção - Saber ou não? E sabendo o que fazer?!

"Tudo que o homem não conhece, não existe para ele. Por isso o mundo tem,
para cada um, o tamanho que abrange o seu conhecimento."
(Carlos Bernardo González Pecotche)
          "Um povo ignorante é um instrumento cego da sua própria destruição."
                                                    (Simón Bolivar)
 
É interessante perceber como a ciência é aceitável quando fornece estudos que, permitam desenvolver medicamentos e tratamentos ou tecnologias diversas. Graças a ela, a nossa qualidade e longevidade atual de vida é possível. Concebidas essas e tantas outras evoluções através de suas pesquisas.  Óbvio, que nessa jornada houve erros e acertos! Isso faz parte de qualquer processo de aprendizado.
É corrente o descrédito que a ciência sofre nas mentes pouco informadas. Ora estas se "refugiam" nas suas crenças - como se a ciência fosse inimiga ferrenha do Criador e não uma benção d'Ele a humanidade-, ora não entendem a profundidade de certos assuntos científicos -e alguns realmente, são extremamente complexos- então, melhor não debater ou saber. E quando isso ocorrer, que já venha tudo muito resumido e maquiado de preferência. Afinal, parece que assim não os alcançará nunca! Ledo engano, pois em algum momento "tudo" nos bate a porta.
Não discordo do conforto -ou comodismo- que a fé fornece. Mas, é importante fazer uso de nossa cota de responsabilidade neste plano. Alguns que convenientemente tem um lote celeste a desfrutar (sic), pouco se importam com futuro deste planeta. Mas, enquanto não são chamados ao nível superior -o inferior geralmente, não faz parte dessa rota- desejam usufruir ao máximo as benesses terrestre e nada saber de sua própria pegada ecológica. E para seus descendentes?! Sempre haverá um possível arrebatamento ou socorro divino. E viva a incoerência!
 
Eu prefiro ter o equilíbrio entre o espiritual e a matéria. Talvez, por ser mais racional possa eventualmente lidar bem com assuntos de ambos os planos. Então, assuntos científicos não me "incomodam" tanto, até que eu perceba a severidade de certos estudos, resultados e perspectivas. Como no caso das previsões do IPCC para este século e outros estudos sobre o assunto. Todos nada promissores a vida, por sinal!Embora, eles não digam X, Y ou Z acerca de como os habitantes deste planeta "irão se virar" - e nem tem como dizer -, como cientistas eles sabem a resposta. Caso a divulguem, ela certamente não será bem absorvida em sua real extensão de gravidade por todos. Assim sendo, melhor evitar uma histeria mundial desenfreada.
 
Tornou-se comum certo grupo de formadores de opinião, fazerem piada com o aquecimento global. É uma fuga conveniente o descrédito! Já os governos ou grandes potências, arrumam vozes científicas (sic) para discordar do assunto, pois sabem que a maior parcela de atuação e responsabilidade depende deles, e dessas estão a fugir.
 
A pergunta que não cala: E agora, o que fazer? Já percebemos que a situação chegou ao ponto que atuações individuais já não fornecem resultados favoráveis, visto que toda ação pessoal é amplamente sufocada pela massiva agressão ambiental que as indústrias efetuam. Sim, nossas ações individuais devem permanecer, pois não é o caso de sentar e esperar o fim. Mas, devemos agora partir também para as exigências sem trégua aos nossos governantes por outra postura diante dessas previsões do IPCC, tais como uma Economia Baseada em Recursos Renováveis ou Não Poluidores e outras soluções para os problemas da humanidade, ao invés de ficarem a desacreditar resultados obtidos após anos de estudos, pesquisas e dados conclusivos. Até porque independente da descrença de muitos, é perceptível a todos a elevação global da temperatura e suas bruscas alterações. E segundo o biólogo Stuart Pimm, da Universidade Duke: “Estamos à beira de uma sexta grande extinção. Se nós vamos evitá-la ou não, dependerá de nossas ações”.

E se nada for feito agora?! Então, meus caros, somente algo divino realmente nos salvará da extinção em curtíssimo prazo!

Mais informações:
http://www.novacomunidade.org/6ordf-extinccedilatildeo.html
http://guymcpherson.com/2013/04/human-extinction-without-a-squeak/
 http://youtu.be/6h0z1AX2_14
 http://youtu.be/Tg5sbBu2564
https://www.youtube.com/watch?v=Il_cR29PcpU

sábado, 27 de dezembro de 2014

Por que certas informações são omitidas do grande público?

 
Em alguns casos, por ser meramente desnecessária a sua divulgação já que não haverá compreensão quanto ao teor fornecido nessa informação. Havendo possibilidade de compreensão, o ouvinte poderá não suportar o "peso" do conhecimento obtido com a mesma, e consequentemente suas reações podem desencadear desde um estado de choque a algum colapso nervoso. Uma informação deste tipo fornecida a muitos ouvintes pode gerar facilmente uma histeria coletiva.
Receber maus prognósticos econômicos ou de saúde já é difícil, e fica muito mais complicado quando não encontramos solução. Agora imagine...
Se a população mundial obtivesse a confirmação de visitas alienígenas por aqui?! Cai por terra todo fundamento religioso mundial = histeria coletiva
Que nossa atmosfera já não protegesse mais a terra das radiações solares?! Novas adaptações no modo de viver = novos mercados, horários de trabalho, queda na produção mundial de alimentos e possíveis guerras.
Mas, e se soubéssemos que seríamos extintos em menos de 30 anos?! Que algum meteoro ou similar atingiria nosso planeta em breve?! Não há escapatória, viva o melhor que puder até lá = histeria coletiva elevadíssima.
Com tais perspectivas aquelas férias frustradas, o salário que não aumentou, aquele frenesi consumista, aquela traição do conjuge... e outras coisas mais, tornam-se  insignificantes.
Agora sim, podemos entender porque certa dose de desinformação pode ser um alívio insuspeito.
 
 
"Os novos dados científicos preveem que o processo de extinção da humanidade já começou, é irreversível, e estará terminado por volta de 2040."Guy McPherson, Professor Emérito de Recursos Naturais, Ecologia e Biologia Evolutiva da Universidade do Arizona.

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

FELIZ NATAL - 2014

 
Merry Christmas!Merry Christmas!
                      .         

sábado, 20 de dezembro de 2014

As dores da adolescência (para os pais)

As dores da adolescência (para os pais) - ÉPOCA | Vida
(excelente texto, não deixe de ler)
 
Nesse fase deles, basta sermos mudos e invisíveis. Afora isso, podemos ser: arrumadeiras, financiadores, cozinheiros, office-boy, professores, lavadeiras e etc... É a época na qual descobrimos que paciência, infelizmente não tem à venda no comércio. Sobrevivendo a essa fase, sem que nossos rebentos façam maiores besteiras -gravidez precoce, drogas, acidentes...- ficamos extremamente gratos de nossos precoces cabelos brancos serem coisa que ainda dá p/ resolver com tintura. E essa -Aleluia!- podemos achar no comércio.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Adultização infantil - Diga NÃO

          Moda: infantil... Tendência: chamariz p/ pedófilos... Estilo: pais sem juízo...





terça-feira, 16 de dezembro de 2014

A guirlanda natalina

                                                                     Presente na maioria das casas durante o mês de dezembro, a guirlanda é um dos símbolos natalinos mais famosos. Mas será que todos que as colocam em suas portas sabem o que ela significa?
A origem da guirlanda  é anterior ao cristianismo. Ainda na época dos gregos pagãos, elas eram colocadas nas portas de entrada como um “adorno de chamamento” aos deuses, ou seja, um sinal de boas-vindas. O formato circular simbolizava o ciclo anual das estações do ano. E velas eram colocadas ao redor, cada uma guardando a promessa de luz e de renovação da vida.
 
 

Já na Roma Antiga, um ramo de plantas enrolado no formato de coroa era um voto de saúde. Posicionando-a na porta de casa, significava saúde para todos os habitantes.
Um pouco depois, na Idade Média, a sua relação com o Natal ainda não era muito forte. Também como símbolo de boas-vindas, era exposta na porta dos lares durante o ano inteiro com o brasão familiar. Além disso, ela servia de proteção contra bruxas, demônios e má-sorte.
Sempre carregando um significado bom, hoje a guirlanda é utilizada como decoração de Natal. Representando paz, prosperidade, evolução e recomeço, elas continuam decorando a porta de entrada de casas ao redor do mundo.
 
Hoje, as guirlandas podem aparecer em diferentes materiais, como: eucalipto, cipreste, flores, pinhas, bolas, biscoitos e até pipoca! O que importa é manter toda simbologia que o Natal representa.


 

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Jefferson ironiza o triplex de Lula: ‘piada pronta’

Jefferson ironiza o triplex de Lula: ‘piada pronta’ - Política - Política

..."Hoje, o imóvel do ex-presidente está avaliado no mercado em cifras que variam entre R$ 1,5 milhão e R$ 1,8 milhão. É coisa para o bolso de um tipo de elite que Lula costuma praguejar em todos os seus discursos."
          Imagem de divulgação de um apartamento situado no prédio em que Lula comprou um tríplex

PENSO QUE ALIADOS E ALIENADOS DESSE GRUPO TEM LÁ SEUS BENEFÍCIOS. AUSÊNCIA DE CONSCIÊNCIA, CEGUEIRA CONVENIENTE/CONIVENTE, IDIOTICE DESCULPÁVEL E POR FIM, VANTAGENS(SIC) OFERTADAS QUE ESTIMULAM A UMA ENÉRGICA ALIENAÇÃO VOLUNTÁRIA.

 

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Mulher rixosa

 
Só quem tem uma assim na família para saber o tamanho desse fardo!
 Todas as qualidades desaparecem, atropeladas pelo desequilíbrio constante e gratuito.
 

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Vaca louca

 
 
 
 
Infelizmente,
é um rebanho muito disperso! Razão pela qual sempre encontramos algumas habitando residências em vez de pastos.

 

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

54 milhões...

Não são apenas os mais carentes que temem improváveis perdas e sim, os que se beneficiam de forma milionária da corrupção desenfreada que contaminou essa nação.



Agradecimentos ao PT


Não entendo uma nação que um dia, saiu as ruas de cara pintada e desbancou um homem corrupto e dissimulado na presidência, e hoje... é conivente com toda a atual corrupção escancarada e assumida! Testemunhar uma sociedade (54 milhões de indivíduos) serem tão cegos é um duro golpe aos valores que sempre estimei. 
Não me importo qual partido ou ideologia se sobressai neste país, desde que não tivesse que saber a cada semana de mais roubalheira e cinismo descarado dos que deveriam dar o exemplo. Não há mais o que fazer! Quando uma sociedade concorda e corteja de bom gosto os mais infames vampiros que a nação conheceu... É apenas esperar a hemorragia vindoura!


terça-feira, 21 de outubro de 2014

Desperdício não é arte!

Desculpe-me, sinceramente... mas, não consigo enxergar nada artístico nisso!
Inúmeros lares ou instituições necessitando de assentos e tantos desperdiçados nesta "arte".
É recorrente alguns artistas depois de famosos, terem suas criatividade esvaziada. E  alguns críticos de arte(sic) potencializam a sua própria, para explicar as obras mais esdrúxulas. Enquanto isso, os pseudo entendedores do assunto fazem o mesmo! Prova disso, são os mais variados comentários elogiosos a isso aí abaixo.









sábado, 18 de outubro de 2014

"O PT é o símbolo da corrupção", diz Villa | Vídeos | VEJA.com

"O PT é o símbolo da corrupção", diz Villa | Vídeos | VEJA.com


Segundo o historiador e colunista de VEJA, Marco Antonio Villa, é necessário refundar o estado brasileiro da tamanha corrupção implantada pelo PT de Lula e Dilma.



segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Perfis Sociais e Comunidades Digitais

Perfis Sociais e Comunidades Digitais são "coisas" distintas, mas seguem quase iguais por falta de discernimento as suas "funções". Comunidades que não sejam estritamente de cunho político, deveriam abster-se de posts que semeiem discórdias. Valendo o mesmo princípio para as demais comunidades de segmentos ideológicos ou religiosos. Já nos Perfis Sociais também seria recomendável a mesma postura, mas se o mesmo permite quase tudo, faça-se valer o bom senso. A quem o tiver, óbvio!
                    

sábado, 11 de outubro de 2014

Pico do Jaraguá


                  
                       Saudade dessa imagem no horizonte...

sábado, 4 de outubro de 2014

A quem chega tudo é novidade...

 - Chegando atrasada como sempre! - falou consigo a serelepe e avoada Jack -não suportava quem a chamasse pelo nome Jhacklynn. Nome ridículo de uma tal "pantera" de seriado americano, que sua mãe nem registrar corretamente o fez.
Era jovem e claro, já vinha de outra festinha que "já dera o que tinha que dar". Também não podia deixar de comparecer ao aniversário da tia Gilda! Afinal, faz bem marcar pontos com a família da namorada do irmão. Vai que a tal se torna cunhada oficial?!
Já morta de sede devido ao alto teor de sal já consumido nos tira-gostos da outra festinha, procura por todos os líquidos possíveis. Hummm... esse champagne é de boa qualidade!
Uma hora depois de muitos abraços, congratulações e taças de champagne,
- Uai, por que será que somente eu estou repetindo as taças?! - pensou, já procurando o garçom. Solicitou outra taça e quando servida, discretamente participou seu pensamento ao garçom.
- Elegante jovem, me parece que você chegou um pouco atrasada. Para os demais convidados o champagne já não é novidade!
 
 Moral: a quem chega tudo é novidade... ou suportável!
 
 

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Por que tantos partidos políticos no Brasil?


É POR ISSO E TUDO O MAIS QUE -CASO ELEITOS- ADVENHA. NÃO, NÃO É PORQUE PENSAM NO BEM DA POPULAÇÃO! SE HÁ QUEM O FAÇA, CERTAMENTE NÃO CONSEGUI, POIS SEUS PARES NÃO DEIXAM SEM TIRAR -OU SEUS ALIADOS- ALGUM PROVEITO.
 
 ..."5% do fundo é distribuído em partes iguais a todos os partidos registrados, e 95%, conforme o número de votos obtidos pela sigla na última eleição para a Câmara. Dentre os partidos que disputam o último lugar na corrida presidencial, o PRTB de Fidelix, que elegeu dois deputados federais, recebe a maior fatia, cerca de R$ 110 mil por mês. O menor valor é destinado ao PCO de Rui Pimenta, R$ 42 mil mensais.
Em um mês, todas as siglas abocanham R$ 25 milhões do fundo partidário. As maiores porções vão para o PT (R$ 4,2 milhões) e PMDB (R$ 3 milhões) - partidos com maiores bancadas na Câmara."...


                                   Por que partidos 'nanicos' têm tanto espaço no debate eleitoral? - BBC Brasil

                       

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Mulher bonita é... é... é como mesmo?!



Um curta-metragem que mostra como o corpo da mulher é manipulado por interesses da mídia e da indústria da beleza. Vale a pena assistir!